Meu dia do Orgulho Nerd_parte 04: O Manicômio do Coringa.

 Por Lucas Bonachovski

Ao som de: It’s coming Down_Cake_Fashion Nugget (o Cake definitivamente tem se tornado minha banda preferida de todos os tempos…)

 coringa

Bom, um dia de Orgulho Nerd não seria o mesmo pra mim se não tivesse um bom quadrinho envolvido. Nesse Caso específico, um ótimo quadrinho: O Manicômio do Coringa.

A galeria de vilões do Batman definitivamente possui os melhores vilões já criados para HQ, simplesmente por serem os personagens mais insanamente coerentes que eu já tive o prazer de conhecer. E, tendo o Coringa como mestre de cerimônias, O Manicômio do Coringa apresenta alguns contos ora irônicos, ora terrivelmente perturbadores estrelados pela nata dos inimigos do cavaleiro das trevas.

De cara, temos na abertura o Coringa em um show (bizarro) de perguntas e respostas, em uma história que, por fim, acaba nos fazendo refletir sobre a televisão e a (falta de) ética, quando o interesse é a audiência total. Quantas vezes tivemos que nos submeter a Big Brother’s (e agüentar o Bial com aqueles poemas e crônicas chatíssimos) ou novelas sem lógica alguma, (vide a novela da Índia e sua imagem deturpada de toda uma cultura milenar). Vale ressaltar dois aspectos técnicos dessa história e de toda revista: os roteiros são realmente muito bons, confirmando a máxima “dê-me um bom roteirista e te direi quem és”; todas as histórias, mesmo que curtas, conseguem prender a atenção a cada pequeno detalhe, cada pequeno fragmento de diálogo, apresentando os personagens em seus conflitos e seus próprios distúrbios de comportamento. Além disso, me parece que os desenhistas foram escolhidos as dedo, por apresentarem um traço único: do Coringa, desenhado em um traço sujo, poluído e mesmo assim lindo (os closes no olhar insano lembram muito o de outro Coringa, Heath Ledger em Batman: O cavaleiro das Trevas) ao traço estilizado da história do Espantalho, lembrando um cartoon.

ja_sc_cv1_solicit

Os outros contos apresentam importantes vilões da mitologia de Batman: Hera Venenosa, assumindo sua postura de vingadora (e sexy, em um traço que remete ao mangá) do meio ambiente em um bem arquitetado plano de vingança; Oswald Coblepot, o Pingüim, mostrando como o amor pode ser lindo…e cruel; Duas-Caras, em uma história magistral sobre como corromper um bom coração; e por fim, o Espantalho, mostrando como o medo, esse sentimento tão incomodo e fascinante ao mesmo tempo, pode ser perigoso e convidativo. Em minha humilde opinião, a melhor história dessa compilação.

It's a Geek Dream!!!

It's a Geek Dream!!!

Enfim, vale a pena gastar cada centavo com essa HQ fantástica.

Lucas Bonachovski, com medo de palhaço, desde que Jack Nicholson interpretou o Coringa no Batman, de Tim Burton.

2 responses to this post.

  1. Nunca vi nenhum filme dele… ^^

    Kodama domingão?

    Responder

  2. Posted by Lucas Bonachovski on 30 de maio de 2009 at 8:17 AM

    kkkkkkkkkkk…tá bom André, foi mal pelo erro crasso sobre o falso “Coringa_o filme”…rsrsrsrsrs…já arrumei lá…e sobre o Kodama, talvez seria uma alternativa…
    a quebradeira complicada…rsrsrsrs

    Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: