Posts Tagged ‘Bastardos Inglórios’

Comentários hiper rápidos sobre diversões passageiras…

Ao som de: Botafogo X Palmeiras, na CBN, quase passando mal do coração, torcendo pra não caírmos…

Minha inspiração para esse post

Depois de ouvir um comentário do lendário Vilson, sobre eu escrever demais, resolvi escrever um post muito breve sobre vários assuntos aleatórios dessa semana. Então, sem mais delongas, vamos lá:

Harry Potter e o Enigma do Príncipe

Pouca coisa se salva de interessante nesse filme do Harry Potter. A Emma Watson é uma delas, mas nem é tanta coisa assim...

Chato. O filme todo serve como uma desnecessária introdução para os dois (!) últimos filmes (uma manobra safadinha dos produtores para ganhar mais dinheiro com os fãs do Bruxo); lento, sem graça. Mas a Emma Watson tá ficando cada dia mais bonitinha como Hermione; o climão sombrio dos ultimos filmes, tem deixado essa história mais interessante,mas mesmo assim, não me pilhou pra ler os livros. Vejamos os próximos.

Transformers 2: Revenge of The Fallen.

Tá, você queria MESMO ver os robozões gigantes, tendo a Megan Fox como principal atração desse novo filme?

O filme mais power action de 2009, sem sombra de dúvidas. Explosão, explosão, explosão, piadinha boba, explosão, porrada, porrada, piadinha, um pouco de roteiro, explosão, explosão, explosão, Optimus Prime falando pra todos os robozões do mundo. O filme inteiro é isso; mas é divertido, nada que vai mudar o mundo, mas divertido. (ah, e tem a Megan Fox, vestida em roupas de coura, shortinhos, decotes e correndo em câmera lenta…)

Wolverine vs. Hulk_Marvel Milenium

Tá mandei um Spoiler...me processe agora...

Cara, se vc achava que o Wolverine não podia ser quebrado ao meio, repense. Damon Lindelof coloca polêmica e humor, nessa já clássica releitura do encontro do Carcaju com o Verdão (não, não é o Palmeiras). Os roteiros desses caras do “Lost” são no mínimo, inovadores. Vale a pena, ainda mais pelo ótimo traço de Leinil Francis Yu. Vale a pena gastar dinheiro nessa série, em três edições.

Bastardos Inglórios, de Quentin Tarantino.

Quentin fucking Tarantino e os malucos dos Bastardos Inglórios.

Clássico, clássico desde já. Tarantino criou uma nova obra prima tarantinesca ao mostrar a sua versão da vingança dos Judeus contra os Nazistas. Diálogos tensos, muita cinefilia, muita violência, mas nunca gratuíta. Sem outras palavras: um clássico. (pensando bem, acho que esse aqui merece um texto mais completo…breve)

Ufa, acho que é isso. Descobri que é foda deixar de ser verborrágico.

Lucas Bonachovski…sucinto…só…

movies, movies, moves

Ao som de: Foundations_Made of Bricks_Kate Nash (2007)

 

Devo terminar o dia dessa maneira...

 

Como alguns já devem saber, nas horas vagas, quando não estou escrevendo ou pensando besteiras para esse blog, costumo me disfarçar como professor de história. Eta profissão divertida(!!!). O problema é que, nesse fim de ano, o disfarce acabou me tomando mais tempo do que deveria, e as responsabilidades escolares se sobressaíram ante minha vontade de passar o dia inteiro lendo quadrinhos e ouvindo bandas obscuras da década de 90.

E mais além…não consegui assistir a nenhum dos filmes que tanto queria nesse mês de novembro. Bom, como sempre, meu nada convencional gosto cinematográfico me levou a propor uma lista dos cinco filmes que eu precisava muuuuuito assistir, com urgência. Logo, os escolhidos foram:

Jogos, trapaças e dois canos fumegantes, por que surtei com Snatch: porcos e diamantes ( um dos primeiros filmes que eu assisti como menininho independente que ia pro cinema sozinho assistir filmes não convencionais para meus doze anos) e eu curto muito as desventuras de gangsters naquela Londres underground que o Guy Richie conhece muito bem.

E ai, meu irmão, cadê você: comédia com George Clooney; tem o John Turturro; dirigida pelos irmãos fucking Cohen; e a trilha sonora é composta por clássicos do folk e do Blues americano. Nem precisa justificar muito né?

Buba Ho-tep: Bruce Campbell interpretando Elvis idoso, lutando contra uma múmia egípcia vestida como um vaqueiro texano, ajudado pelo velhote presidente JFK, negro (!!!) Nem precisa justificar muito né?2 …

Bastardos Inglórios: baixado de maneira criminosa, em uma versão horrível, que só o desespero humano pra assistir a um Tarantino, por ter perdido o longa no cinema, pode justificar.

Ghost Dog, o caminho do samurai: dirigido por um dos diretores mais divertidos que eu tive o prazer de conhecer: Jim Jamursch…e não sei, mas espero mesmo que tenha uma participação do Bill Murray…Hey Bil Murray (quem já assistiu sobre cafés e cigarros, vai sacar essa internazinha…rsrsrs).

Então, sem mais delongas, irei me enfurnar na frente deste pc, com um pacote de rufles e uma caixa de suco de maçã. Se sair vivo, comento esses filmes por aqui…

Abrass a todos…e esperem…

Lucas Bonachovski…acreditando que vai conseguir essa façanha de assistir a 5 filmes, com várias provas para terminar…mas ele é brasileiro, e não desiste nunca…pelo menos eu acho…